Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Primeira Casa da Rua

SE O TEMA É DESIGN SUSTENTÁVEL, DECORAÇÃO SUSTENTÁVEL OU DIY PARA A CASA, ENTÃO ESTÁ AQUI!

Estou feliz!

Hoje é o meu dia, adoro fazer anos, é um momento de grande felicidade. Mais um ano num turbilhão de emoções e de experiências que quer dizer nada mais nada menos que vivi. Estou tão grato por tudo o que a vida me trouxe até mesmo nos piores momentos, momentos de grande provação onde consegui aprender e seguir em frente... vivi!

Obrigado por ter a mãe e o pai na minha vida até este ano e ter sido tão feliz junto deles, poderiam ter sido muito menos anos e menos intensos;
Obrigado aos meus pais por tudo o que me ensinaram e por me darem as bases para ser a pessoa que sou, orgulhosamente imperfeito;
Obrigado por amar e ser amado pelos meus pais;
Obrigado por amar e ser amado pela minha cara metade, pela família mais próxima e pelos meus amigos;
Obrigado por ter o discernimento de perceber onde está o bem e o mal;
Obrigado por me colocar na vida pessoas que me mostram que definitivamente não quero ser como elas, não sei se são melhores ou piores, mas não quero ser como elas;
Obrigado por ter a liberdade de poder fazer escolhas na vida e assumir as minhas decisões;
Obrigado por poder fazer o que gosto;
Obrigado por poder respirar, pensar, sorrir, cheirar, ouvir, ver e sentir todos os dias;
Obrigado vida.
 

Vou enfrentar a vida sempre de sorriso nos lábios e aceitar o que tem guardado para mim e para os que mais amo. Anda daí vida, estou à tua espera!

Nuno Matos Cabral (2).JPG

Fora de Casa #028

Primeira Casa da Rua by Nuno Matos Cabral (3).JPG

(I)cone é uma escultura interativa com cones de trânsito laranja, criado pelo atelier LIKEarchitects. Esta é uma instalação que convida o público a experimentar o espaço urbano de uma nova forma. Uma construção com 500 cones de trânsito numa peça de arte permanente para o Parque Urbano de Paredes em Portugal. Foram escolhidos os cones pela sua resistência às alterações climatéricas.

Primeira Casa da Rua by Nuno Matos Cabral (2).JPG

A estrutura modular contrasta com o espaço relvado, sendo um bom "chamariz" para despertar a curiosidade dos visitantes do parque, em especial durante a noite, onde a escultura cor de laranja é iluminada transformando-se num candeeiro LED encarnado que revela a paisagem e os caminhos circundantes.

Aproveite para ver ou rever algumas das instalações que já publicámos em "Fora de Casa": 1, 2345.

Primeira Casa da Rua by Nuno Matos Cabral (4).JPG

Reutilize colheres de plástico

Os talheres de plástico ainda andam por ai, nunca se esqueça de os colocar no contentor amarelo, ou então, reutilize pelo menos as colheres de plástico. 

Depois de seguir as minhas dicas e fazer o "refresh" do ano no Hall de entrada, clique aqui para ver as dicas que tenho para si, porque não dar um toque mais personalizado ao espaço e criar um objeto "exclusivo" para complementar a decoração. Já há algum tempo fiz um projeto na Sic Mulher que me parece super adequado para colocar no Hall de entrada, um espelho feito com colheres de plástico.

Com a composição das colheres de plástico o espelho fica com um toque mais retro, inspirado nos anos 50/60, adequado para uma decoração eclética, onde a mistura entre o moderno e o vintage pode funcionar na perfeição.

Para saber como pode fazer o novo espelho, basta clicar aqui, vai poder acompanhar passo a passo como o fazer. Aproveite e veja outros projetos executados na SIC Mulher: 12345.

Primeira Casa da Rua by Nuno Matos Cabral 7.jpg

Dicas de decoração para o Hall de Entrada

Primeira Casa da Rua by Nuno Matos Cabral 7.jpg

Hoje é o primeiro dia de setembro, muitas pessoas regressam ao trabalho e muitas ficam com uma certa nostalgia misturada com alguma tristeza, por isso mesmo, nada como uma mudança de visual de uma divisão da casa para dar um novo ânimo. Aproveite estes primeiros dias, que ainda está com muita energia, para dar um toque diferente ao Hall de entrada. A pergunta que se impõe, porque o Hall? A resposta é muito simples, é a primeira divisão com que tem contacto quando entra em casa, assim como, também é o espaço onde recebe os seus amigos.

Nuno Matos Cabral Design Studio (3).jpg

Para começar deve pensar nas peças que quer aproveitar, se não quiser fazer uma mudança de fundo basta alterar pequenos objetos decorativos e o espaço fica como novo. Para quem pretende alterar a divisão a fundo, depois de pensar nas peças que quer manter, faça um levantamento das dimensões da divisão para ter a certeza de que todas as peças cabem no Hall. Pintar a divisão é uma boa solução, opte por uma cor mais forte caso pretenda criar mais impacto, uma cor mais suave para um ambiente mais tranquilo ou uma cor escura para dar um toque mais sofisticado. Também pode optar por pintar só uma das paredes para dar mais personalidade à divisão ou utilizar papel de parede em todo o Hall ou numa só parede, uma solução intemporal. 

Primeira Casa da Rua by Nuno Matos Cabral 8.jpg

Depois de pintado o Hall, coloque uma consola com uma linguagem visual similar a toda a casa, para que fique em harmonia. Nessa consola deve ter um local para deixar as chaves e para a carteira, um candeeiro de mesa e uma vela com aroma para criar um ambiente mais "cosy". Uma banqueta também pode ser uma solução, caso se descalce na entrada de casa. Com esta ultima solução pode colocar uma mesa de apoio ou umas cestas de baixo da banqueta para arrumar os seus pertences. Não deixe de ter um cabide para colocar os seus casacos e os casacos dos convidados.

Primeira Casa da Rua by Nuno Matos Cabral 9.jpg

Coloque uma jarra para colocar flores frescas, pelo menos em ocasiões especiais e algumas plantas para humanizar a divisão, escolha plantas adequadas à iluminação natural que tem no espaço. Não se esqueça de colocar um tapete no chão, dá um toque mais confortável à divisão. Se o chão tiver algum desenho em pedra ou madeira coloque o tapete de lado. O espelho também é uma peça a ter no Hall, sempre que sair de casa pode dar uma última vista de olhos para ver se está tudo bem com o seu visual. 

Primeira Casa da Rua by Nuno Matos Cabral 11.jpg

Um conjunto de quadros que lhe tragam boas memórias também é uma boa solução e humaniza o espaço. O mais importante, não deixe para amanhã aquilo que pode fazer hoje.

Até já Verão...

Este ano o Verão não foi fácil, com a partida do meu pai. Foi um verão pesado, não há muitas palavras para descrever os sentimentos que surgem neste períodos tão tristes e complicados e também não os quero adjetivar. Mas depois de uma grande tempestade vem a bonança e aos poucos fui vivendo a vida de uma forma tranquila, procurei voltar a ter um sorriso nos lábios, como sei que o pai gostava que o fizesse. Aproveitei este período para preparar os projetos de setembro, comecei a fazer meditação, da qual sou fã, comecei a colocar no papel algumas das ideias que já estavam na cabeça há muito e parei para refletir e questionar-me, para onde vou nos próximos 20 anos de carreira. De uma coisa tenho a certeza, o design e a sustentabilidade vão continuar a fazer parte da minha vida.

E porque a sustentabilidade vai continuar a fazer parte da minha vida pessoal e profissional, em setembro para alem de todos os projetos que tenho em mãos também vou voltar à Universidade, vou começar um Mestrado em Design Sustentável. Não vejo a hora de poder permitir-me ter tempo para refletir sobre uma temática que me vai acompanhar nos próximos 20 anos da minha carreira e procurar respostas para algumas das questões que me vêm acompanhando.

Outra certeza que tenho é que para o ano há mais verão, mais calor e outros tantos estados de espírito tão comuns a todos nós que vivemos a vida. Até já Verão!

Em casa de Liv Tyler

Liv Taylor AD Primeira Casa da Rua.png

A AD norte americana visitou a casa da atriz Liv Tyler, um apartamento no coração de Manhattan, mais precisamente em West Village. Um apartamento sofisticado com cores neutras, onde os detalhes, os quadros e os candeeiros dão um toque diferenciado e criam ambientes confortáveis e intimistas.

Liv Tyler AD.jpg

Liv Tyler AD 6.jpg

Na sala de estar, para dar mais profundidade ao espaço, foram utilizados nos topos das lareiras os espelhos para dar mais profundidade ao espaço e mais luminosidade. 

O pelo alto ecológico também faz parte de alguns dos apontamento da zona social da casa mas também do quarto dos mais pequenos. Utilizado com diferentes funções, como apontamento em cima da cadeira da área de trabalho do quarto das crianças ou como tecido para revestir uma das peças principais da sala de estar a chaise-long.

Nos quartos, o papel de parede, o mobiliário estilo império e as cores neutras criam ambientes mais românticos, femininos, sofisticados e muito confortáveis.

Liv Tyler AD 4.jpg

Liv Tyler AD 2.jpg

Mais um projeto publicado na revista AD e partilhado na Primeira Casa da Rua, espero que se inspire. Aproveite e descubra a casa de outras celebridades, tais como Sarah Jessica Parker, Beyoncé ou Cara Delevingne na secção Decoração.

Em arrumações...

Férias também podem ser sinónimo de organizar algumas cantos e recantos lá de casa. Por exemplo, os *nichos que existem na cozinha nem sempre estão corretamente aproveitados e muitas vezes ficam para último quando se pensa na decoração da casa. Com algumas dicas pode transformar este espaço numa composição mais elegante e com mais personalidade.

Nas prateleiras mais baixas deve colocar o que mais utiliza e na parte superior deve colocar os objetos que menos utiliza. Aproveite alguns frascos de vidro para colocar alguns objetos que são de pequena dimensão, assim não se perdem ou não se dispersam. Uma jarra ou um jarro é um bom local para colocar alguns utensílios de cozinha que utiliza com alguma frequência, e porque não um pano de cozinha para dar um toque mais quente. 

O nicho também é uma boa área para colocar os livros de cozinha que utiliza com alguma frequência. Coloque vasos com plantas espalhados pelo nicho para humanizar mais esta zona. Velas, fotos, pratos decorativos, pequenos quadros também são boas soluções para juntar a esta composição e criar um recanto mais personalizado e intimista.

Descubra outras dicas para as arrumações e organizações là de casa: 12345.

*Nichos: Cavidades abertas em parede para colocação de imagemvaso ou outros objetos

Divisão de estantearmário ou outro móvel (ex.: cabeceira de cama com nichos laterais), in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa.

 

Primeira Casa da Rua by Nuno Matos Cabral (2).jpg

Meu querido mês de agosto!

Pois é o nosso querido mês de agosto está ai e para quem vai de ferias é altura para ir à praia, comer os gelados todos que tanto gosta, tal como eu, que sou um super fã de gelados, de ler os livros que há tanto quer ler, ver os filmes que há tanto quer ver. Um bom livro, Manhã Submersa de Vergílio Ferreira e um filme a não perder, Nomadland.

bird's eye view of seashore

coned ice cream with blueberries and flowers

Este também é o período para estar com a família e os amigos, aproveite para reutilizar alguma peças decorativas.

Reutilize os frascos de compota e utilize como copos para aquela limonada super fresca. Aproveite as garrafas do ultimo jantar e reutilize-as, transforme-as em jarras. Crie uma composição com canecas e outras jarras, visualmente vai criar uma composição mais dinâmica e divertida.

green leafed plants on top of white wooden table

Decoração mais Sustentável

Cada vez mais as plantas são fundamentais na decoração da casa. Não só porque são uma tendência, mas também porque ajudam a melhorar o ar dentro da divisão e contribuem para a transformação de CO2 em Oxigénio. 

 

Primeira Casa da Rua by Nuno Matos Cabral 77.jpg

 

Escolha uma área da casa e crie uma composição com varias plantas. As Espadas de São Jorge, as Costelas de Adão ou as Estrelícias são tendências muito atuais, as varias plantas da família das suculentas também são opções que deve ter em conta. Se regar as plantas é um problema para si, existem no mercado vasos que armazenam a agua para alguns dias, reduzindo a frequência com que tem que as regar.

 

Primeira casa da rua by Nuno Matos Cabral 0.jpg

 

Muitos Quadros, Sem Furos na Parede

Adoro ver inúmeros quadros numa só parede, quando digo a alguns clientes colocar seis ou sete quadros numa só parede consegue-se ver o pânico na cara, depois de imaginar inúmeros furos na parede. Mas pode não ser assim, colocar quadros de varias dimensões e formatos no chão e sobrepostos pode criar composições muito divertidas. O segredo para que esta formula possa funcionar é por colocar os quadros de maiores dimensões encostados à parede, sobrepondo sempre em sentido decrescente, do maior para o mais pequeno.

Se tiver uma casa mais formal esta pode não ser a solução para a zona social, mas pode ser um boa ideia para o escritório ou para o quarto dos mais pequeninos.

Clique aqui e veja mais uma solução para colocar vários quadros numa só parede.

 

Primeira Casa da Rua by Nuno Matos Cabral 7.jpg