Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Primeira Casa da Rua

SE O TEMA É DESIGN, DECORAÇÃO OU FAÇA VOCÊ MESMO, ENTÃO ESTÁ AQUI!

DIY: Reutilizar um tronco de madeira

Cada vez mais a reutilização deve estar presente no nosso dia a dia, por isso mesmo, aqui fica mais uma sugestão para que nada se desperdice, tudo se transforme.

 

Um simples tronco de madeira, umas alças de uma mala e alguns ganchos, são os ingredientes para esta fórmula de sucesso. Para ter o novo bengaleiro, basta limpar corretamente o tronco, adaptar as alças ao mesmo e colocar os ganchos suspensos no tronco de madeira. Se preferir que o seu novo objeto decorativo tenha um toque mais alegre pinte o tronco ou então, opte por umas alças mais coloridas.

 

Para fixar o novo bengaleiro, basta colocar uns ganchos ou vulgarmente chamados camarões, fixos no teto. Perfure as alças na zona onde vão ficar fixas, para que estas possam ser suportadas pelos ganchos. Assegure-se de que o teto da divisão suporta o peso da nova peça.

 

E porque estamos a falar de reutilização, aqui ficam mais algumas sugestões para que a reutilização esteja sempre presente na sua vida: 1, 2, 3, 4, 5.

 

Primeira Casa da Rua by Nuno Matos Cabral.jpg

 

Decoração: Game of Thrones

E começa a última temporada da série mais vista, mais pirateada, mais falada, enfim, mais tudo o que possa ser atribuído a Game of Thrones ou GOT. Esta é a série que bateu todos os recordes na história da televisão mundial.

 

E porque também gosto de GOT, não podia deixar passar em branco a última temporada, por isso, porque não procurar algumas inspirações para que a decoração lá de casa possa ter um toque de GOT. Durante o próximo mês e meio, desfrute e inspire-se.

 

Decidi escolher um dos interiores, que me parece que vai ser um dos mais importantes nesta última temporada, o Castelo de Winterfell, onde os Stark vão reunir forças para combater contra o exército que vem do frio. Na imagem publicada, Jon Snow e Sansa Stark estão reunidos com todos os nobres do Norte a definir a melhor estratégia.

 

Em Winterfell, a pedra, a madeira e os tons mais escuros da palete de cores predominam na decoração dos espaços, por isso, decidi criar um mood mais escuro, no entanto, com um toque mais contemporâneo, onde os ângulos da cadeira ou do aparador contrastam com a forma do tapete que imita uma pele de vaca, visto que, o tapete não é de pele verdadeira. As velas também não podem faltar, assim, o ambiente vai ficar mais humanizado e mais quente.

 

Descubra aqui outras ideias inspiradas num filme muito falado em 2018 e 2019, Bohemian Rhapsody.

 

game-thrones_Primeira-Casa-da-Rua.jpg

Para post Primeira Casa da Rua.jpg1. Pele ecológica a imitar pele de vaca (Não é uma pele verdadeira); 2. Cadeirão Terra Collection Armchair, Camouflage; 3. Candeeiro de teto Robert Abbey Rico Espinet; 4. Aparador Metamorphose I by Nuno Matos Cabral; 5.  Espelho, www.ayersandgraces.com; 6. Castiçal by Latitude Run.

 

Borboletas de cartolina na parede

Estava a organizar fotos de alguns trabalhos que fazem parte do meu portfólio quando descobri um dos primeiros indicadores de que a Primeira Casa da Rua ia surgir. Em 2012 participei na Casa Ideal e já nessa altura coloquei uma borboletas feitas em cartolina que pareciam feitas em metal. Um toque distintivo feito com um material muito económico e integrado numa decoração elegante e requintada que mais uma vez prova que o faça você mesmo ou diy (do it yourself) pode conviver com o requinte e com a elegância.

 

Veja outras sugestões para decorar as paredes lá de casa: 1, 2, 3, 4, 5.

 

292760_432699033431795_1275450375_n.jpg

665259_440287736006258_394076417_o.jpg

DIY assinado...

Ontem foi a inauguração da Loja Nuno Gama, em Lisboa, mais precisamente no Príncipe Real. A festa foi fantástica, o ambiente perfeito, mas como sabem a Primeira Casa da Rua não fala sobre festas, então até agora estão-se a perguntar porque estou a escrever sobre o tema? Pois, quando estava a visitar a loja, vi uns sapatos fantásticos, uma ideia genial que quero partilhar, o espirito do DIY ou bricolage está presente, podemos chamar de DIY assinado. A colocar na lista de compras.

 

Primeira Casa da Rua - Nuno Gama