Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Primeira Casa da Rua

SE O TEMA É DESIGN, DECORAÇÃO OU FAÇA VOCÊ MESMO, ENTÃO ESTÁ AQUI!

Em Casa: Hábitos Sustentáveis

Ontem fiz um direto na conta de Instagram da Primeira Casa da Rua onde estive a dar algumas dicas, para que, mesmo em casa, se possa poupar os recursos naturais e pouparmos na carteira. Estas regras devem ser adoptadas não só enquanto estamos neste período, que estamos consignados à casa, mas também depois deste.

Aqui fica um lista com mais de trinta ideias para que os seus comportamentos em casa possam ser mais amigos do ambiente, contribuindo para uma maior sustentabilidade do planeta.

Uma das minhas preocupações como designer de interiores é procurar que os meus projetos tenham um cunho sustentável, não só nos interiores mas também nos hábitos de quem as vive, afinal quando estou a criar um novo projeto também estou a imprimir uma nova forma de viver esse mesmo espaço. É importante vivermos a casa tendo em atenção hábitos mais amigos do ambiente.

Ter uma vida sustentável vai muito mais para além de separar o lixo. Agora que estamos muito tempo em casa não vamos deixar de poupar. Vamos ter hábitos mais sustentáveis, deixo-vos algumas ideias:

Primeira Casa da Rua 2.jpg

  1. Substitua todas as lâmpadas de casa para lâmpadas LED, têm uma maior longevidade e não gastam tanta eletricidade;
  2. Coloque redutores de caudal nas torneiras para evitar o desperdício de água;
  3. Apague as luzes das divisões que não têm pessoas;
  4. Não deixe os aparelhos em Stand By, desligue todos os eletrodomésticos no botão do power;
  5. Utilize pilhas recarregáveis, uma pilha recarregável chega a durar o equivalente a mil descartáveis;
  6. Evite a utilização do ar-condicionado, opte pelo ventilador. Ele produz a mesma sensação quente ou frio e gasta 90% menos energia;
  7. Opte por comprar os seus livros, jornais e revistas em formato digital;
  8. Sempre que necessitar imprimir o trabalho dos seus filhos ou algum projeto para o seu trabalho, utilize frente e verso das folhas;
  9. quando necessitar sair de casa opte pelas escadas e não pelo elevador assim faz algum exercício;

Na cozinha, uma das divisões onde se pode cometer mais erros e desperdiçar mais recursos, há muito a fazer.

Primeira Casa da Rua 3.jpg

  1. Faça uma lista das compras que necessita do supermercado ou da mercearia;
  2. Evite o desperdício de comida;
  3. Faça as suas compras perto de casa, está a ajudar o comércio local e não gasta gasolina, logo não emite CO2;
  4. Deixe de utilizar sacos de plástico;
  5. Plante as ervas aromáticas que necessita para os seus cozinhados;
  6. Regue as plantas durante a manhã ou final da tarde;
  7. Se puder opte sempre pelos alimentos orgânicos;
  8. Nos seus cozinhados utilize a panela de pressão. Atinge temperaturas mais altas em menos tempo do que uma panela normal. Gasta menos gás ou eletricidade, os alimentos são cozinhados mais rapidamente;
  9. Se não tiver panela de pressão, tape as panelas enquanto cozinha, assim o calor que simplesmente se perderia no ar é aproveitado e economiza energia;
  10. Não necessita ter o fogão sempre na temperatura mais alta, cozinhe com lume brando;
  11. Abra menos o frigorífico. Retire tudo o que precisa do frigorífico de uma vez só;
  12. Coloque o frigorífico afastado do forno. Quando estão próximos, um precisa gastar muito mais energia para compensar o ganho de temperatura do outro. Assim gasta menos energia eletricidade;
  13. Crie o hábito de separar o seu lixo; ECOPONTO AMARELO - Plástico e metal, AZUL- papel e cartão, VERDE- Vidro, VERMELHO – Pilhas, LARANJA – Óleos Alimentares;
  14. Faça compostagem. Se tem uma horta, então a compostagem será uma ótima aliada para a saúde de suas plantas. Além disso ajudará a diminuir o lixo orgânico produzido no seu lar;
  15. Não deite os óleos alimentares na sanita ou lava loiça. Coloque numa garrafa e depois coloque no ecoponto laranja. Um litro de óleo alimentar contamina cerca de 1 milhão de litros de água, o equivalente ao consumo de uma pessoa no período de 14 anos;
  16. Agora uma solução que não gera consensos, mas se puder e quiser fique um dia, por semana, sem comer carne. A produção da carne possui uma alta emissão de gás;
  17. Lave roupa só quando a máquina estiver completamente cheia, salvo as exceções que devem ser respeitadas nesta altura que estamos a viver;
  18. Evite talheres e copos descartáveis;
  19. Lave a louça numa bacia de água, utilize uma bacia para ensaboar a louça sem deixar a torneira aberta. Segundo algumas organizações internacionais tal ação pode gerar uma economia de 170 litros de água por lavagem. Ao longo de um ano, poderá economizar água o suficiente para abastecer a sua casa por mais de dois meses. Além de preservar o meio ambiente, também poupa na carteira;

Na casa de banho também há cuidados a ter.

Primeira Casa da Rua 4.jpg

  1. Quando tomar banho, opte sempre pelo duche. Um banho de banheira pode gastar quatro vezes mais energia e água do que um banho convencional de chuveiro;
  2. Ainda no duche, enquanto a água está a aquecer coloque um balde e aproveite essa água para utilizar por exemplo na rega das plantas ou outra qualquer atividade;
  3. Relativamente às sanitas que têm dois botões de descarga, utilize sempre o botão com a menor descarga de água, sempre que for possível, vai poupar água;
  4. Quando está a lavar as mãos ou os dentes não deixe a água correr enquanto não precisa da água;

Para terminar, algumas destas dicas estão no Guia Casa Sustentável Primeira Casa da Rua, que é um guia gratuito e em formato digital. Está disponível na loja online, clique aqui e peça o seu Guia!

Estamos juntos!