Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Primeira Casa da Rua

SE O TEMA É DESIGN SUSTENTÁVEL, DECORAÇÃO SUSTENTÁVEL OU DIY PARA A CASA, ENTÃO ESTÁ AQUI!

Simbiose entre Pessoa e Natureza na Leadership Summit

Nuno Matos Cabral_leadership_summit_2.jpg

É com entusiasmo que partilho a minha recente participação no Leadership Summit, onde tive a oportunidade falar sobre um tema que me é particularmente próximo: a simbiose entre pessoa e natureza, com ênfase no design biofílico, ou seja design e sustentabilidade sempre presentes.

Refelti sobre a integração da natureza nos espaços de trabalho, não só aumenta a estética, mas também promove o bem-estar e a produtividade. Indiquei conceitos de design biofílico, destacando como elementos naturais, luz natural e espaços verdes podem criar ambientes mais saudáveis e inspiradores.

Acredito profundamente na importância desta simbiose para o equilíbrio pessoal e profissional. A natureza não é apenas uma fonte de inspiração estética, mas uma aliada essencial para promover a criatividade, a concentração e o bem-estar no quotidiano.

Até lá, sintam-se à vontade para deixar os vossos comentários e partilhar as vossas experiências com o design biofílico nos vossos espaços!

 

Nuno Matos Cabral_leadership_summit_5.jpg

Nuno Matos Cabral_leadership_summit_7.jpg

Nuno Matos Cabral_leadership_summit_9.jpg

Querido eu... Nuno Matos Cabral

Nuno Matos Cabral_pequeno.jpg

Querido eu,
 
Hoje, ao olhar para esta fotografia, apercebo-me de quanta sabedoria e experiência irás ganhar com o passar dos anos. Se eu pudesse voltar atrás no tempo, aqui estão alguns conselhos que gostaria de partilhar contigo. Nunca duvides do teu próprio potencial. És capaz de alcançar mais do que podes imaginar. Continua a fazer perguntas, a curiosidade é o combustível para a aprendizagem e a inovação.
 
Não tenhas medo de cometer erros. Cada fracasso é uma oportunidade de crescimento. Como o pai disse uma vez, temos de celebrar não só os sucessos, mas também as derrotas.
 
Dá prioridade ao teu bem-estar físico e mental. É a base para uma vida feliz e produtiva, agradece as pequenas coisas e as pessoas que entram na tua vida. A gratidão é uma fonte de felicidade.
 
O mundo está em constante evolução. Adapta-te e está disposto a aproveitar as novas oportunidades e sonha em grande, não tenhas medo de almejar o ponto mais alto. Os grandes sonhos podem tornar-se realidade com determinação, força, continua em frente!
 
Também é muito importante proteger o nosso planeta, o ambiente é precioso, por favor, faz a tua parte para o preservar.
As pessoas são o coração da vida. Cultiva relações significativas, mesmo contigo, pois és humano e cometes erros. Trata-te com compaixão e amor.
 
Lembra-te, querido Nuno, a viagem em que estás será sempre cheia de altos e baixos, mas cada experiência irá moldar a pessoa que tu vais ser. Acredita no poder do teu potencial e continua a lutar pelo melhor!
 
Adoro-te,
Nuno Matos Cabral

Coleção Blue Bird

A Blue Bird by Gato Preto é uma coleção inspirada na tradição da arte portuguesa. Uma simbiose entre as andorinhas e a vegetação proveniente das tapeçarias de Castelo Branco em conjunto com o azul profundo dos azulejos do séc. XVIII.

Todos os desenhos são pintados à mão com a técnica de aguarela, resultando num elegante serviço de mesa em porcelana que se complementa com têxteis para a mesa de refeição.

Bom trabalho equipa!

 

Nenhuma descrição de foto disponível.

 

Apresentação do Novo Site Nuno Matos Cabral Studio

É com grande entusiasmo que anuncio o lançamento do nosso novo site, uma plataforma online que reflecte a evolução e a visão contínua do nosso atelier Nuno Matos Cabral Design Studio.

Neste novo espaço digital - nunomatoscabral.com - convidamos todos a explorar o universo do nosso atelier de uma forma mais envolvente e informativa. O design intuitivo do site foi concebido para proporcionar uma experiência de navegação agradável, enquanto destacamos o nosso portefólio, projectos recentes e a filosofia que impulsiona o nosso trabalho.

Queremos estar mais perto de quem trabalha connosco. O novo site torna ainda mais fácil entrar em contacto com a nossa equipa para discutir ideias, projectos ou esclarecer dúvidas.

Estamos muito entusiasmados por apresentar este novo capítulo online e esperamos que desfrutem da experiência de explorar o nosso trabalho e as nossas paixões. A vossa opinião é valiosa para nós, por isso, sintam-se à vontade para partilhar os vossos pensamentos.

Visite-nos em [nunomatoscabral.com] e embarque nesta jornada imersiva.

Citado no Diário de Noticias e Jornal de Noticias

Nuno Matos Cabral_Diario de Noticias.png

 

Partilho a notícia onde fui citado num artigo publicado recentemente no Diário de Notícias e no Jornal de Notícias. É tão bom podermos contribuir com aquilo que gostamos de fazer para a comunidade, em particular onde o design e a sustentabilidade são o mote.

Pode ler aqui o artigo na integra.

Uma Viagem pelo Design, Participação na Tigullio Design District

Nuno Matos Cabral_tigullio_design.png

Tenho o gosto de partilhar a minha recente experiência na Tigullio Design District, onde tive a oportunidade de explorar o fascinante mundo do design ao longo do tempo - do passado ao presente e além.

Durante a minha talk, mergulhei nas raízes históricas do design, refletindo sobre as influências que moldaram estilos e estéticas ao longo das décadas. Explorar o passado do design não é apenas uma jornada nostálgica, mas uma fonte rica de inspiração que influencia profundamente as tendências contemporâneas.

No presente, examinei as correntes de inovação que estão a moldar o design moderno. Desde a integração de tecnologias emergentes até a uma abordagem mais consciente em termos de sustentabilidade, o design contemporâneo revela-se cada vez mais diversificado e adaptável às necessidades em constante evolução.

Ao projetar nosso olhar para o futuro, discuti como o design está a responder aos desafios emergentes e a antecipar as necessidades das gerações vindouras. A criatividade e a funcionalidade continuam a ser o coração do design, mas agora com um foco renovado na responsabilidade ambiental e social.

Esta jornada pela evolução do design foi verdadeiramente enriquecedora, reforçando a compreensão de que, no mundo do design, a única constante é a mudança.

Deixem os vossos comentários e partilhem as vossas próprias perspetivas sobre o design ao longo do tempo!

Mais um prémio para o aparador Metamorphose

Depois da distinção atribuída pelo German Design Council, recebi mais uma boa noticia, o aparador Metamoprhose I recebeu mais uma Menção Honrosa desta vez na Suíça, atribuída pelo SIT Furniture Awards. Não podia estar mais contente e grato pelo sucesso desta peça pertecente à coleçao do meu atelier, Nuno Matos Cabral Design Studio.

Aproveito para dedicar estes prémios à minha família mais próxima e em particular a duas pessoas que já não se encontram entre nós, aos meus pais, só porque tive os pais que tive é que sou a pessoa que sou hoje, por isso estes prémios são para eles. Também quero deixar um muito obrigado a todas e a todos os que têm acreditado em mim desde o primeiro momento e que me tem acompanhado sem deixar de acreditar por um minuto, obrigado!

Metamorphose I by Nuno Matos Cabral 1.png

Metamorphose I by Nuno Matos Cabral 11.png

10 anos de Primeira Casa da Rua!

E ja passaram 10 anos desde que publiquei o primeiro post na Primeira Casa da Rua, longe de sequer sonhar o que estava por vir. Tanta coisa aconteceu, por isso decidi fazer um exercício, destacar 10 factos, eventos ou outro qualquer outro pormenor, não menos importante, que possa ter marcado a historia da Primeira Casa da Rua, mas também a minha, sem nenhuma ordem de importância.

1.°

A primeira vez que fui convidado para falar sobre o blogue em televisão, foi na CMTV, no programa da Manhã. A partir dai nunca mais parou, já estive em inúmeros programas de televisão, na RTP, SIC e TVI, mas também noutros meios interessados em saber mais sobre a Primeira Casa da Rua, ou seja sobre, sustentabilidade em casa: na decoração da casa ou como vivemos a nossa casa e em nossa casa. Descubra aqui por onde já andei ou onde já falaram da Primeira Casa da Rua e do Atelier.

2.°

Quando percebi que o blogue foi considerado o blogue do mês pela revista Casa Cláudia no Brasil, fiquei super emocionado e reconhecido pelo trabalho feito até então.

3.°

O prémio atribuído pela primeira Maker Faire realizada em Portugal. Prémio inovação.

4.°

A colaboração com a Absolut Vodka onde o desperdício de lápis serviu de mote para a realização de um projecto diferenciador.

5.°

A colaboração de mais de 4 anos com a SIC Mulher, foi um período da minha vida super divertido. Adorava estar no programa, era uma diversão!

Birth for Absolut Vodka by Nuno Matos Cabral.jpg

6.°

O lançamento da loja online da Primeira Casa da Rua, que foi um sucesso até ter chegado o COVID.

7.°

Criei o primeiro Guia Casa Sustentável, onde o mote era: Como poderíamos viver a casa de uma forma mais sustentável.

8.°

Um dos motes da Primeira Casa da Rua é criar objectos inesperados com materiais inesperados. Um dos projectos onde esse mote foi destacado foi o projecto da árvore de natal para a revista Activa, onde pregos, correntes e pingentes criaram a decoração da árvore de natal.

9.°

Também não posso deixar de destacar as várias participações em Talks onde o tema é a Sustentabilidade. Aproveito para deixar a data da próxima Talk que acontece em Itália, em Portofino, a TDD, na semana de 17  a 23 de Abril.

10.°

A Primeira Casa da Rua acabou por ser um novo caminho para o meu atelier (www.nunomatoscabral.com) e influenciar vários projectos onde o desperdício fez parte do desenvolvimento do projecto, por exemplo o projecto da Absolut Vodka ou o projecto para a Feira Internacional de Artesanato, onde foi utilizado desperdício de alcatifa ou ainda o projecto para a Lisbon Urban Design Week onde os caixotes de mudanças foi a principal matéria prima.

Só me resta deixar um agradecimento a todas e a todos que nos têm acompanhado, obrigado a todas as marcas com quem já trabalhamos, obrigado a todos os meios que nos permitem falar sobre sustentabilidade.

Que a Primeira Casa da Rua continue pelo menos por mais 10 anos!