Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Um texto iluminado...

por Primeira Casa da Rua, em 16.07.15

Candeeiros de papel, existem de vários tamanhos e formatos, há para todos os gostos e géneros, também é um produto que economicamente falando não tem fama de ser muito caro, por isso mesmo, pode ser uma boa alternativa para colocar naquele ponto de luz que há muito está sem candeeiro ou naquele canto que há muito precisa de ser iluminado. 

 

Está na hora de personalizar os candeeiros de papel, dar-lhes um cunho pessoal, e para o fazer, não demora mais que 5 minutos, basta uma caneta!

Formula.pngAntes de montar o candeeiro escreva o texto ou a frase que seja especial para si ou para a sua família.

 

Um candeeiro que pode colocar em qualquer divisão da casa. 

 

Veja outras sugestões para iluminar a casa: 1, 2, 3, 4, 5.

 

fotografia 1 (2).JPG

fotografia 2 (1).JPG

fotografia 3.JPG

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:15



PRIMEIRA CASA DA RUA

A Primeira Casa da Rua é um blogue onde pode descobrir com o mudar a sua casa em pouco tempo, com ideias simples, inovadoras utilizando os "nossos" três "eRRes" : Reciclagem, Reutilização e Recuperação. Também pode descobrir todas as regras para ter a sua casa perfeita: Como colocar um quadro na parede sem danificar o estuque ou descobrir qual a distância que deve ter o candeeiro da sala de jantar da mesa.

Translate




Seguir no SAPO

foto do autor


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D


A PRIMEIRA CASA DA RUA ESTÁ NA CASA CLÁUDIA...OI BRASIL!


E TAMBÉM NA SIC MULHER E NO SAPO... OLÁ PORTUGAL!