Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Viva México! #004 - Chichen Itzá e Cobá

por Primeira Casa da Rua, em 27.04.18

Depois de visitarmos Sian K'aan, Playa del Carmen e Tulum, chegou o dia tão desejado, conhecer umas das 7 maravilhas do mundo moderno, as pirâmides de Chichen itzá e Cobá. Dois locais que sonhava conhecer desde pequeno, e finalmente concretizei!

 

O dia começou bem cedo, desta vez decidimos alugar um jipe com GPS. Lá fomos nós, descobrir a Riviera Maia. Começámos por visitar Cobá, onde podemos subir uma piramide com 42 metros, continuámos para Chichen Itzá, visitámos um Cenote (poço de água doce), onde almoçámos e terminámos a visitar Valladolid, uma cidade com um centro histórico muito simpático e recuperado.

 

Em Cobá, o passeio pelo complexo, quer seja a pé ou nas bicicletas com condutor, onde vamos sentados a apreciar a vista, são duas excelentes hipóteses para conhecer aquele complexo, que nos seus temos áureos tinha mais de 100 km de extensão. A cidade de Cobá governava um território importante e lutava contra a cidade Maia-Tolteca de Chichén Itzá. Cobá comercializava com as pequenas cidades maias da costa do Mar das Caraíbas, tal como Tulum. Veja aqui o post sobre a visita à zona histórica de Tulum.

 

Quando chegámos a Cobá, começámos por fazer uma caminhada de 2 km, até chegarmos à clareira onde fica a tão famosa e imponente pirâmide de Nohoch Mul ou o “Castillo”. Um espaço com uma energia diferente, onde sentimos o peso de uma história milenar. Para quem não tem vertigens, que não é o meu caso, pode aproveitar para subir até lá acima e apreciar a magnifica vista. Eu, subi alguns degraus mas o resto do tempo andei a descobrir tudo o que rodeia a pirâmide. Os outros membros da grupeta lá foram estoicamente até ao topo, ou quase até ao topo.

 

Um complexo que não pode perder. Percebe-se muito facilmente como esta civilização, tão desenvolvida para a altura, vivia. Em Cobá, até um campo de jogos havia, onde realizavam inúmeros jogos com bola. Depois de descoberta toda esta área, e tiradas mil e uma fotos, decidimos ir até à entrada do complexo nas tais bicicletas com condutor. Também foi uma viagem divertida e muito menos cansativa. Só tínhamos mesmo que aproveitar, desfrutar das vistas e sentir a brisa que nos refrescava.

 

De volta ao jipe, nova direção e nova descoberta. Destino: o tão famoso complexo de Chichen Itzá, uma das 7 maravilhas do mundo moderno. Com as estradas em muito bom estado, a viagem não podia correr melhor. Sempre todos muito bem dispostos e a desfrutar ao máximo das vistas e das povoações onde passávamos. Descobrímos pequenas lojas cheias de artesanato colorido, onde me apetecia comprar tudo!

 

Chegados a Chichen Itzá o ambiente é fantástico. Inúmeros cantos e recantos para descobrir de uma área que tem uma história comparável a muito poucas zonas no mundo. Chichén Itzá, era um dos maiores centros urbanos dos maias. O local exibe vários estilos arquitetónicos, reminiscentes dos estilos vistos no México central.Chichén Itzá pode ter tido a população mais diversa no mundo maia, um fator que poderia ter contribuído para a variedade de estilos arquitetónicos encontrados no local. Um sitio que todos temos de visitar uma vez na vida!

 

Este dia ainda continuou, mas para não ficar muito longa, vou dividir a história em duas partes. Por isso não percam a segunda parte, muito em breve! Aproveite e veja os outros posts sobre a viagem ao México: 12, 3.

 

Nuno_Matos_ Cabral_no_México (6).JPGNuno_Matos_ Cabral_no_México (7).jpgNuno_Matos_ Cabral_no_México (4).JPGNuno_Matos_ Cabral_no_México (9).jpgNuno_Matos_ Cabral_no_México.PNG

Nuno_Matos_ Cabral_no_México (2).JPG

Nuno_Matos_ Cabral_no_México (3).JPG

Nuno_Matos_ Cabral_no_México (11).jpg

Nuno_Matos_ Cabral_no_México (15).jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


PRIMEIRA CASA DA RUA

A Primeira Casa da Rua é um blogue onde pode descobrir com o mudar a sua casa em pouco tempo, com ideias simples, inovadoras utilizando os "nossos" três "eRRes" : Reciclagem, Reutilização e Recuperação. Também pode descobrir todas as regras para ter a sua casa perfeita: Como colocar um quadro na parede sem danificar o estuque ou descobrir qual a distância que deve ter o candeeiro da sala de jantar da mesa.

Translate


Seguir no SAPO

foto do autor


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D


A PRIMEIRA CASA DA RUA ESTÁ NA CASA CLÁUDIA...OI BRASIL!


E TAMBÉM NA SIC MULHER E NO SAPO... OLÁ PORTUGAL!